quarta-feira, 17 de maio de 2017

Relato da 3a reunião do Grupo EJA em Movimento

O Grupo EJA em Movimento voltou a se reunir, no dia 15 de maio último, ocasião em que discutimos:

(1) a proposta de realização de nosso III Encontro de Educação de Jovens e Adultos EJA em Movimento; (2) o processo de construção de uma proposta de formação continuada para os professores que atuam na EJA da rede municipal de Macaíba; e
(3) o texto de Liana Borges sobre as experiências de formação de educadores da EJA em Porto Alegre e na Secretaria Estadual de Educação do Rio Grande do Sul.

Em relação ao primeiro item, o grupo acatou a ideia de participarmos do Edital da PROEX-UFRN, mirando o evento para o período da CIENTEC, época em que há maior sensibilização das secretarias de educação em liberar os profissionais para participação em atividades acadêmicas fora das escolas.

A proposta de cronograma apresentada, prevê:

(a) uma Conferência de Abertura, no primeiro dia, à noite, sobre "Os desafios atuais sobre as políticas públicas para a EJA", para o que há a proposta de convidar alguém que esteja acompanhando de perto o desenrolar das discussões no âmbito do MEC sobre a EJA, seja alguém da CNAEJA, seja alguém dos Foruns de EJA, em face das questões relacionadas ao Plano Nacional de Educação;

(b) No segundo dia, à tarde, uma sessão de relatos de experiências, trabalhos de conclusão de curso, dissertações, teses e pesquisas sobre a realidade da EJA;

(c) Ainda no segundo dia, à noite, a proposta é que devemos dar continuidade às discussões sobre políticas públicas para a EJA, trazendo a Secretaria Estadual de Educação e Cultura e a Secretaria Municipal de Natal, para uma discussão sobre o que se está fazendo para dar cumprimento aos planos estadual e municipal, no tocante à EJA;

(d) No terceiro dia, à tarde, como coroamento das discussões que iniciamos este ano, no âmbito do grupo, sobre Formação de Educadores para a EJA, a proposta é que discutamos a temática, com representantes das instituições locais que estejam desenvolvendo atividades de formação continuada na área e, se for possível, com alguém de outro estado que possa socializar conosco uma experiência inovadora com formação continuada na área de EJA;

(e) Nesse último dia, à noite, pretede-se que a Conferência de Encerramento esteja voltada à discussão do currículo na EJA, com convidada de fora que aborde a questão, preferncialmente, trazendo uma experiência de organização curricular para a EJA que seja inovadora e/ou provoque reflexões (nesse caso, foi citada a experiência da rede estadual da Bahia, que contou com a assessoria da profa. Jane Paiva, da UFF).

A proposta de cronograma recebeu sugestões da profa. Edneide, no sentido de se tentar montar uma mesa com egressos da EJA cuja história de vida possa ser conhecida e discutida, o que exigirá que busquemos essas pessoas. Ficou em aberto em que "lugar" da programação incluiríamos essa atividade, podendo ser como atividade paralela aos relatos de experiência.

Foi sugerido que o grupo busque expoentes artísticos emergentes nas escolas da EJA para que eles se apreseentem ao longo do evento.

Quanto ao processo de construção de uma proposta de formação continuada em Macaíba, os colegas Valdelice e Rogério trouxeram o resultado do encontro que realizaram com os profissionais da EJA naquele município e disponibilizaram o material para que a coordenação do Projeto EJA em Movimento, junto com as duas bolsistas, possam fazer uma sistematização e dar retorno para todos. Na ocasião, o professor Alessandro apresentou uma proposta de questionário a ser aplicado junto aos professores, que poderia ser uma atividade complementar a que os colegas de Macaíba já encaminharam.

Após a discussão do texto da educadora popular Liana Borges, foi acertado que a próxima reunião acontecerá próximo dia 8 de junho, às 14h30min, no Centro de Educação da UFRN.

Grupo EJA em Movimento avalia 2018

No último dia 19 de dezembro, o Grupo EJA em Movimento fez sua última reunião do ano, momento em que se avaliou o trabalho desenvolvido dura...